Gestão em QSMS-RS e Sustentabilidade

Temos encontrado certas dificuldades em nossa consultoria a ajudar as organizações que nos procuram quanto a implantação de um SGA, até por que algumas querem ter e só isso, tipo o cliente pediu e eu mostro papel (triste)

 E não existe uma preocupação real de saber se as ações tomadas, podem ser quantificadas, para realmente mostrar que existe um objetivo a ser alcançado.

Sem ter objetivos e Kpis como alguém pode dizer que realmente tem um SGA implantado e rodando em sua organização?

Quando uma empresa tem um SGA (sistema de gestão ambiental), se certificada ou não, sua eficácia só pode realmente ser medido por seu desempenho contra os objetivos que foram definidos.

 Portanto, é lógico que a compreensão da eficácia do seu sistema de gestão pode ser afetada pela relevância e precisão dos seus objetivos.

Pode ser possível para a sua organização acreditar que o desempenho é bom, quando na verdade os objetivos podem não ser relevantes, agressivos o suficiente ou talvez nem mesmo diretamente relacionados com as atividades reais do núcleo de seu negócio.

Então, como uma empresa pode garantir que os objetivos da ISO 14001 sejam relevantes e realmente ajudem a impulsionar o melhor desempenho ambiental?

Recentemente, tomei parte de uma auditoria de fornecedores, onde a organização em questão estava passando por uma implementação ISO 14001:2015 com a ajuda de um consultor externo.

Os líderes organizacionais estavam fazendo sugestões sobre os possíveis objetivos para o seu SGA, apesar de apenas ter começado o processo de implementação.

Isso me levou a pensar;

Até que você entenda suas atividades e seu impacto ambiental, você não pode realmente definir objetivos significativos para o seu SGA.

 Por exemplo, muitas empresas têm uma medida de “pegada de carbono”, pois a viagem constante pode ter um grande impacto ambiental.

 Isso é gerenciado através do uso de conferência/ videocâmara, para limitar o impacto e reduzir os custos etc…

 Essa medida pode ser usada para a maioria das organizações, mas vamos examinar alguns exemplos mais específicos de quais objetivos podem caber em um SGA específico:

Conformidade da legislação. Isso é obrigatório dentro da ISO 14001, mas isso deve ser um objetivo do SGA?

Isso poderia ser dito depender muito do setor em que uma empresa opera.

 Consideremos duas empresas em extremidades opostas da escala, mas dentro de uma distância geográfica estreita como um restaurante de fast food e uma usina nuclear.

 A não observância da legislação teria um impacto muito maior sobre o ambiente e as partes interessadas para a central eléctrica do que para um restaurante de fast food.

Com a prevenção preferida para curar, é fácil ver que um objetivo de se tornar 100% complacente reagindo à legislação depois que sua liberação seria crítica a salvaguardar o ambiente e os arredores.

 Este objetivo pode ser menos importante para um restaurante de fast food, que pode encontrar mais valor em um objetivo de reciclagem de embalagens e remoção de plástico de uso único de sua cadeia de suprimentos, apesar de também estar ciente de que a legislação deve ser cumprida.

 Vamos considerar um negócio de restaurante nacional por um lado e um restaurante local por outro.

Embora a redução de desperdício seja desejável para qualquer empresa de alimentos, é fácil imaginar os múltiplos benefícios ambientais que a redução de desperdício pode trazer para uma empresa maior.

Isso também significa economizar e a possibilidade de redirecionar os alimentos extras para beneficiar outras pessoas.

 Embora isso possa ser extremamente benéfico para o meio ambiente em relação ao impacto reduzido, será menos para a organização menor.

No contexto operacional das pequenas empresas, um objetivo que racionalize seu programa de entrega em domicílio pode gerar mais benefícios ambientais do que reduzir uma quantidade muito pequena de desperdício de alimentos.

Mais uma vez, imagine as economias ambientais que poderiam ser feitas se uma empresa de aluguel de carros em todo o país decidisse comprar exclusivamente veículos elétricos.

Uma empresa de aluguel de carros local que possua três carros de aluguel pode usar o mesmo objetivo, mas realisticamente vê um benefício ambiental muito menor por causa do tamanho da frota.

Ao mesmo tempo, um objetivo de reduzir as emissões de carbono empregando um dispositivo para interromper a marcha lenta do motor na frota de 3 carros pode ser uma medida mais realista e econômica para obter uma economia ambiental tangível para a empresa menor.

Após consideração, rapidamente fica claro que um tamanho não serve para todos em termos de definição de objetivos ambientais para uma organização.

 Mesmo organizações na mesma linha de negócios podem encontrar diferentes objetivos ambientais relevantes, dependendo de vários fatores que podem incluir o tamanho da organização, o contexto, os mercados em que opera e como as atividades da organização se encaixam com outros aspectos da gestão. sistema.

Garantir que os objetivos ambientais estejam alinhados com a direção estratégica da empresa continua a ser um fator-chave e garantir que os objetivos sejam;

Específicos, Mensuráveis, Alcançáveis e Realista

Claro também ajuda a focar na busca da conclusão de maneira metódica.

 No entanto, ao trabalhar com uma equipe de gerenciamento para definir objetivos para um SGA, é necessária uma perspectiva lógica e matemática.

 Pergunte a si mesmo:

 O que é importante para a organização e o que é importante para o meio ambiente?

 Se você pode identificar resultados ambientais que se encaixam em ambas as categorias e podem ser mitigados por uma abordagem metódica, pode começar a formar objetivos relevantes para sua organização.

Estamos juntos

Publicado por Roberto Roche

Roberto Roche ao longo de três décadas consolidou sua experiência exercendo vários cargos de alta direção em QSMS–RS & Sustentabilidade nas áreas de Óleo & Gás, Construção Civil Pesada, Montagem Industrial, Portos e Mineração em mais de 15 países na América Latina, África e Oriente Médio como Mars, Queiroz Galvao Internacional e Odebrecht Internacional e Imerys .

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *