Gestão em QSMS-RS e Sustentabilidade

Nesses últimos meses, tenho realizado alguns trabalhos interessantes, como revisão de procedimentos de QSMS-RS & Sustentabilidade, revisão das análises de risco através da minha metodologia favorita Bow tie e reescrevendo PAE e PEI para diferentes segmentos econômicos.

Chama atenção como esses documentos ou melhor procedimentos são esquecidos em alguma gaveta ou arquivo no pc e muitas vezes só vem a memória em época de auditoria (Af… como odeio isso) , alguns meses antes é aquela correria para se prepar para auditoria ( me engana que eu gosto ) depois passa e tudo volta a ser esquecido em algum arquivo .

Quem certificou ou recertificou agradece $$$!

Depois de um acidente, existem vários pontos em comum que acontecem em todos, quando realizo palestras ou treinamentos menciono alguns destes, e é impressionante como fica aquele silêncio na sala.

E sempre tem um Cisne negro (assista minha palestra o Cisne Negro X Prevenção rsrs ) surgindo do nada !

Por que? Por que o dia a dia de cada um não permite estar revisando nada ou olhando os procedimentos que tem para saber se são reais e suficientes para o momento que estão passando;

Ah, claro, com exceção na época de auditoria.

Mas os acidentes continuam acontecendo.

Qual nossa realidade, meu amigo /colega da área de QSM-RS & Sustentabilidade?

Nossos colegas neste exato momento estão lutando para descobrir o que faz uma barreira ser eficaz no objetivo de evitar acidentes  

Eu uso o modelo “Bow tie “para mapear os riscos e criar barreiras

Alguns utilizam o histórico de acidentes e baseado em sua experiência para criar essa barreias, e concordo também.

Mas eu tenho algumas sugestões baseado na minha experiência nesses +35 anos que me norteiam para decidir qual a melhor barreira para evitar eventos indesejáveis.

Vamos dar um exemplo fácil:  O cinto de segurança como uma barreira.

Como um gerente de uma empresa de entrega que utiliza vans, você pode pensar que cada van tem um cinto de segurança instalado e cada motorista é usá-lo.

No entanto, tem uma atividade de ‘manutenção e inspeção regular’?

Há um alarme do cinto de segurança instalado para forçar as pessoas a usar o cinto de segurança?

As pessoas estão cientes das consequências de não usar cinto de segurança?

As mesmas perguntas sobre as barreiras e dar o próximo passo, certificando-se de adicionar atividades de verificação no Bow Tie.

As atividades suportam a integridade da barreira, e assim, as reforçam.

Atividades de apoio barreira existem em diferentes formatos, pensam sobre a formação, certificação, manutenção, inspeção e projetar qualificações e assim por diante.

Para entender a eficiência da barreira, olhamos para a adequação e a confiabilidade da barreira.

Adequação é determinada em combinação com o tamanho da ameaça.

Barreiras podem ocorrer em várias linhas de perigo.

Isto não significa que a barreira tem a mesma eficácia em cada linha, porque as ameaças têm diferentes adequações.

Vejamos o exemplo abaixo.

Direção defensiva é uma barreira para ambas as ameaças, mas para condições de estrada escorregadia, a eficácia é maior.

Porque as condições da estrada escorregadia é uma ameaça muito mais estável do que manobras inesperadas, a barreira defensiva de condução é considerada mais adequado.

Uma manobra inesperada tem muito mais desvio e é difícil de treinar os motoristas para todos os tipos de manobras inesperadas, por conseguinte, considera-se como uma barreira ineficiente.

Quando olhamos para a confiabilidade das barreiras, consideramos os fatores de escalonamento, dados de incidentes e outras fontes.

Cintos de segurança são considerados como menos eficaz porque você depende da pessoa a usá-lo.

Airbag, no entanto, geralmente irá expandir durante uma colisão.

Por isso, consideramos um airbag como uma barreira muito mais confiável, em comparação com o cinto de segurança.

Atribuição de responsabilidades para as barreiras é uma das principais vantagens no modelo Bow tie , especialmente quando se trata de comunicação.

Bow tie é uma ferramenta de comunicação grande por causa de seu layout claro.

É importante atribuir responsabilidades a barreiras, porque se uma barreira não tem alguém responsável pode ser ignorado ou esquecido.

Atividades de apoio à barreira também precisam de uma pessoa responsável.

Use o Bow tie (sugestão) ao chão de fábrica a e certifique-se de que todos compreendam as responsabilidades dele ou dela.

Defina a eficiência sempre das suas barreiras, vai por mim!

Estamos juntos!

Publicado por Roberto Roche

Roberto Roche ao longo de três décadas consolidou sua experiência exercendo vários cargos de alta direção em QSMS–RS & Sustentabilidade nas áreas de Óleo & Gás, Construção Civil Pesada, Montagem Industrial, Portos e Mineração em mais de 15 países na América Latina, África e Oriente Médio como Mars, Queiroz Galvao Internacional e Odebrecht Internacional e Imerys .

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *