Gestão em QSMS-RS e Sustentabilidade

Em recentes” gaps analysis” em nossos clientes, encontramos um certo desencontro em organizações que praticam a reciclagem dos seus produtos e a gestão do SGA destas.

E não deveriam, pois a ISO menciona claramente que devem caminhar juntos

Se você estiver familiarizado com ISO 14001, você saberá que quando os requisitos da norma sejam implementados corretamente no sistema de gestão um ambiental (SGA), o risco de impacto ambiental e a quantidade de desperdício são reduzidos.

Por isso é importante a reciclagem bem como, a economia circular etc.

A política ambiental da organização deve incluir um “compromisso” para a prevenção dos impactos socioambientais, bem como uma exigência para cumprir as obrigações de conformidade.

Enquanto as obrigações de conformidade podem variar de setor para setor e de região para região, a importância da reciclagem efetivamente permanece constante.

Imagine esses cenários e as implicações se a reciclagem não foi realizada eficazmente, por exemplo;

Um fabricante de TV tem um esquema de “logistica reversa “, mas em vez de reciclagem eficaz, as peças são desmontadas, e algumas são enviados ilegalmente para um lixão.

Um vendedor de bateria recebe muitas usadas ou danificadas de volta, mas entrega uma grande quantidade para um negociante de sucata, sem o conhecimento do destino final.

Um fabricante de computador recebe em troca computadores danificados, mas escolhe um canal de reciclagem que não é lá grandes coisas.

Os exemplos mencionados acima demonstram que substâncias perigosas podem estar espalhadas por aí afetando a sociedade e ao meio ambiente

A ISO 14001 fornece uma abordagem estruturada para lidar com resíduos.

Existem vários itens/capítulos da norma que podem ajudar a apontar a sua organização no sentido de assegurar no processo, como:

Liderança.

Os líderes organizacionais são responsáveis para o desempenho do SGA;

 Portanto, é vital que uma instrução de prevenção a impactos socioambientais exista na política ambiental.

 Da mesma forma, é importante que a alta administração assegura que todos os detalhes são conhecidos e que a reciclagem, feita em casa ou subcontratado, é realizada corretamente.

Planejamento;

A reciclagem deve ser parte das obrigações de conformidade da organização e parte de seu planejamento de atingir metas ambientais, uma das quais pode ser 100% do produto reciclado.

 Também pode ser prudente realçar o seu processo de reciclagem como um aspecto ambiental, ou mesmo como objeto de uma avaliação de risco anual para garantir que você tome o tempo para rever e melhorar o seu processo.

Embora pareça que você tem várias opções aqui, é aconselhável ter em mente que a tecnologia e a legislação mudam constantemente, e você precisa garantir que seus processos de reciclagem são revistos regularmente.

Melhoria;

 Como mencionado anteriormente, uma constante revisão e ação é a maneira mais eficaz para garantir a melhoria contínua em seu SGA, e uma revisão semelhante do seu processo de reciclagem pode garantir que ele atenda às necessidades dos stakeholders e cumpra com a legislação.

Usando ISO 14001 e seus requisitos para garantir que o processo seja eficaz, faz sentido não só para a sua organização, mas para o planeta que todos nós compartilhamos

Certifique-se de que sua organização é bem equipada para desempenhar sua parte e que esteja bem claro no seu SGA.

Estamos juntos!

Publicado por Roberto Roche

Roberto Roche ao longo de três décadas consolidou sua experiência exercendo vários cargos de alta direção em QSMS–RS & Sustentabilidade nas áreas de Óleo & Gás, Construção Civil Pesada, Montagem Industrial, Portos e Mineração em mais de 15 países na América Latina, África e Oriente Médio como Mars, Queiroz Galvao Internacional e Odebrecht Internacional e Imerys .

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *