Gestão em QSMS-RS e Sustentabilidade

Como seria a gestão de segurança se você não tivesse que “provar” nada?

Gosto muito de conversar com os colegas quando realizamos algum tipo de serviços em suas organizações, e durante nosso bate papo, nada como uma boa resenha do dia a dia.

Eu adoro provocar, a turma.

Vejamos, algumas dessas perguntas interessantes, você que está lendo, tente responder!

  • Você documentaria uma revisão de uma APR? Você faria seus colaboradores assinarem? Você coletaria e arquivaria a APR concluídas e as manteria por anos?
  • Você manteria seus relatórios de identificação de perigo arquivados, mesmo que o perigo tenha sido encerrado?
  • Você faria os gerentes documentarem suas conversas de “segurança” com os colaboradores?
  • Você faria os colaboradores assinarem um documento para dizer que participaram de uma reunião pré-início?
  • Você faria os colaboradores assinarem um documento para dizer que leram e entenderam todos os seus procedimentos de segurança?

E se dissermos aos colaboradores;

Nós lhe demos as habilidades e conhecimentos para entender os perigos associados ao seu trabalho e como gerenciá-los, e confiamos em vocês para aplicar essas habilidades e essa competência diligentemente!

E se dissermos aos nossos supervisores;

Não esperamos que façam nenhuma administração.

Seu trabalho é estar em campo com suas equipes ajudando-os a identificar, entender e gerenciar riscos.

Nossa expectativa de você, como supervisor, é que se viermos falar com você sobre um trabalho, você será capaz de nos dizer qual é o trabalho, quais são os perigos, como o trabalho está sendo feito e como os riscos estão sendo gerenciados.

 E esperamos que todos os membros da sua equipe tenham o mesmo nível de compreensão.

E se dissermos aos gerentes e líderes da nossa organização;

Seu trabalho, sempre que você estiver no campo e tendo conversas com supervisores e trabalhadores, é confirmar que eles entendem os perigos associados ao seu trabalho e como eles devem ser controlados.

E se, em vez de nos concentrarmos em saber se 100% da papelada foi concluída, nos concentramos em construir confiança de que todos em nossa organização entenderam os perigos e como eles deveriam ser controlados?

E se aceitarmos, que não podemos “provar” a segurança com documentação completa, e só podemos provar a segurança através do entendimento demonstrado por nosso pessoal?

E agora?

Bem, só podemos provar a segurança quando nosso pessoal, através de suas conversas e ações, demonstrem uma compreensão dos perigos associados ao seu trabalho e como esses perigos são controlados.

 Porque isso é o que acontece na prática.

Após um acidente, você precisa ser capaz de demonstrar que seu pessoal entendeu os perigos em suas tarefas, e como eles foram feitos para serem controlados e os perigos foram consistentemente gerenciados de acordo com os controles.

Não é sua documentação, e processos que provam isso, é o que seu pessoal faz ou fez e o que seu pessoal diz!

Se aceitarmos tudo isso, como seria a gestão de segurança na sua organização?

Estamos juntos!

Leia mais

Faça agora mesmo sua inscrição

Para finalizar, selecione a modalidade da sua inscrição e efetue o pagamento:

Faltam apenas

Dias

Nos vemos lá!