INVESTIMENTO X RESULTADO: QSMS-RS & SUSTENTABILIDADE


Empresas independentes do porte ou qualquer atividade econômica que quiserem crescer no século 21 precisam investir em Sustentabilidade e QSMS-RS.

O que demanda cultura corporativa sólida, disciplina para melhorar a eficiência e um forte vínculo com a comunidade.

Muitas ainda só por cumprirem a legislação, apresentam em seu website suas certificações e acham que estão fazendo o bem, ou algumas vezes por que estão com um bom faturamento decidem fazer filantropia ou alguma ação pontual de sustentabilidade.

Venho atuando há anos em indústrias, multinacionais de óleo e gás e da construção pesada.

E a grande questão quando se trata de discutir a gestão de Sustentabilidade e QSMS-RS no mundo corporativo é o de alinhar o negócio com a área, seu custo de investimento, e claro, o resultado destas ações perante as partes interessadas.

Entende se que não é mais possível enxergar o desenvolvimento econômico sem que ele seja sustentável.

É bom lembrar que investimentos em ações de QSMS-RS e Sustentabilidade por parte dos acionistas têm que ser pago e ter retorno. Sem negócio não tem ações de Sustentabilidade e QSMS-RS.

Enquanto por parte dos gestores de QSMS-RS e Sustentabilidade não entenderem que precisam entregar resultados, as organizações em que atuam ainda irão enxergar essa área como só CUSTOS!

Não existe espaço para “achismo” ou “academicismo” na área corporativa de QSMS-RS e Sustentabilidade.

Investimento com planejamento e entregar resultados é o objetivo.

A importância por parte do gestor da área de saber o custo do investimento e saber gerencia-los ajuda na gestão de qualquer negócio a programar sua estratégia.

Não apenas para constar e cumprir a legislação, mas também por uma verdadeira ação eficiente de ações de sustentabilidade.

Devido à questão ambiental e preocupação para evitar acidentes de trabalho, empresas sentem a necessidade de incorporar aos objetivos de obtenção de resultados ações de Sustentabilidade e de QSMS-RS.

Corporações necessitam empenhar-se em melhorar e desenvolver as condições de trabalho, segurança, treinamento, eliminação resíduos decorrentes de seu processo produtivo e entrega de produtos e serviços de acordo com as condições desejadas pelos consumidores.

Equipes devem ser treinadas permanentemente para seguir processos e normas de segurança em todas as fases da operação, da utilização de matérias-primas ao transporte e entrega dos produtos.

Novos processos e tecnologias permitem uma produção mais limpa com uso racional de água e energia.

Para que seja estabelecida uma Gestão QSMS – RS e Sustentabilidade efetiva, devem ser identificados todos os aspectos pertinentes às atividades e seus impactos.

Essa identificação pode ser realizada através de uma análise de risco e um diagnóstico do departamento, englobando as seguintes áreas como legislação e normas, aspectos ambientais, análise das práticas e procedimentos.

O custo deste investimento são as ações que representam todo empenho, todo o esforço direto ou indiretamente vinculado a qualquer gasto, relativo a bens e serviços que visem única e exclusivamente à gestão de QSMS-RS e Sustentabilidade.

A identificação destes custos não é fácil, já que não temos como mensurar muito de seus componentes.

Ocorre na verdade, mais uma identificação e mensuração dos custos referentes aos externalidades, ocasionadas pelos impactos decorrentes de impactos ou passivos ambientais e a apuração dos custos envolvidos nas questões com acidentes de trabalho.

Esses itens poderão ser incorporados ao custo total, à medida que vão ocorrendo.

Neste sentido, os gestores necessitam identificar e alocar estes custos de maneira que as decisões sejam baseadas em investimentos e resultados adequadamente medidos.

Várias empresas já possuem em seus quadros profissionais trabalhando na área de QSMS-RS e Sustentabilidade, é uma tendência e com grandes previsões de crescimento.

Mas a visão de que precisem gerir sua área como um negócio que pode dar resultado ou prejuízo necessita maior atenção.

Consumidores finais estão cada vez mais exigentes e reclamações na mídia cada vez mais estão presentes no dia a dia.

As partes interessadas não mais aceitam o descaso no tratamento dos recursos naturais e as más condições de trabalho .

Consumidores estão interessados em produtos ecologicamente corretos, legislação torna-se mais rígida imputando sanções aos infratores obrigando as empresas a encarar com seriedade e responsabilidade a variável ambiental e de segurança em sua estratégia operacional.

Investimentos na área de QSMS-RS e Sustentabilidade como qualquer negócio devem ser bem planejados, gerenciados e com resultados.

Entregar responsabilidades a uma equipe com pouca experiência ou sem nenhum treinamento é um risco.

Poderia terminar este artigo escrevendo uma lista de investimentos X resultados.

Prefiro finalizar com algumas indagações:

Quanto custa para imagem da empresa um acidente ambiental?

Quanto custa a vida de um colaborador?

Quanto custa um “recall” de seus produtos?

Quanto custou parar a produção por falta de água ou reduzi-la por falta de energia?

Se tivessem investido em ações de QSMS-RS e Sustentabilidade, qual seria o resultado?

Estamos Juntos !

 

 

 

Publicado em 18 de novembro de 2014

 

Os Mais Vistos
SUSTENTABILIDADE & QSMS-RS X ÉTICA EMPRESARIA... Com tantos escândalos de corrupção no momento sobre grandes empresas ( óbvio que todos já sabiam ,até hoje não entendo a surpresa !!) , como a pal...
Por que sua organização precisa de um Diretor de S... Por que sua organização precisa de um Diretor de Sustentabilidade e QSMS-RS? Organogramas executivos normalmente possuem caixinhas para determinar ...
ESTALEIROS, PORTOS E TERMINAIS PORTUÁRIOS, PREVENÇ... Quando gestor de Sustentabilidade e QSMS-RS em estaleiros e terminais marítimos, minha percepção inicial quanto a acidentes ambientais não ia muito ...
LIÇÕES APRENDIDAS EM QSMS-RS/SUSTENTABILIDADE, ACI... Tenho grande interesse em ouvir e ler as experiências de terceiros e seus cases sobre minha área de atuação. Estou sempre aberto à troca de exp...

Sobre Roberto Roche

Roberto Roche ao longo de três décadas consolidou sua experiência exercendo vários cargos de alta direção em QSMS–RS & Sustentabilidade nas áreas de Óleo & Gás, Construção Civil Pesada, Montagem Industrial, Portos e Mineração em mais de 15 países na América Latina, África e Oriente Médio como Mars, Queiroz Galvao Internacional e Odebrecht Internacional e Imerys .

Deixe uma resposta