Gestão em QSMS-RS e Sustentabilidade

Na última década, a energia solar experimentou uma taxa média de crescimento anual de 68%. 

Embora não haja dúvida de que a energia solar pode ser uma solução importante para muitos dos problemas de energia do mundo, não é uma pílula mágica.

O setor de  energia solar precisa ter uma gestão de riscos socioambientais considerável .

Grandes painéis solares em escala  tomam muito espaço, o que pode resultar em degradação ambiental

Fazendas solares que cobrem uma grande quantidade de área provavelmente terão um impacto na fauna e flora locais, particularmente nas aves , bem como nas comunidades

Parques solares também podem inibir o crescimento da vegetação local e prejudicar a agricultura. 

Ao contrário da energia eólica, os painéis solares não são capazes de compartilhar a área que ocupam para outros usos.

Painéis solares de pequena escala para uso doméstico não exigem muita área 

No entanto, a nível industrial, a grande quantidade de espaço necessário para os painéis produzirem energia é um desafio.

Além disso, muitas pessoas sentem que os painéis solares em escala de utilidade criam uma perturbação estética para as comunidades nas proximidades.

Criar energia com painéis solares fotovoltaicos é um processo que usa água. 

Mesmo que as próprias células solares não usem água para gerar eletricidade, o processo de fabricação requer um pouco de água. 

Assim, o processo de produção de energia não usa água, mas a produção dos próprios painéis solares usa água.

Nos Estados Unidos, a produção de eletricidade é responsável por mais de 40% de todas as retiradas diárias de água doce.

Embora parte dessa água possa ser reutilizada, uma abundância de painéis solares sendo fabricados em uma área poderia colocar uma pressão sobre os recursos hídricos locais.

O processo de fabricação fotovoltaica emprega produtos químicos tóxicos como:

  • ácido clorídrico
  • ácido sulfúrico
  • ácido nítrico
  • flúor de hidrogênio
  • 1,1,1-tricloroethano
  • Acetona

Se os fabricantes não seguirem rigorosamente as leis e regulamentos, esses produtos químicos podem introduzir riscos significativos à saúde, particularmente aos trabalhadores da indústria.

Estamos juntos !

Publicado por Roberto Roche

Roberto Roche ao longo de três décadas consolidou sua experiência exercendo vários cargos de alta direção em QSMS–RS & Sustentabilidade nas áreas de Óleo & Gás, Construção Civil Pesada, Montagem Industrial, Portos e Mineração em mais de 15 países na América Latina, África e Oriente Médio como Mars, Queiroz Galvao Internacional e Odebrecht Internacional e Imerys .

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *